Translate

quinta-feira, 13 de setembro de 2012

Ballasox.


Oi, meninas.
O post de hoje, é sobre um produto, que há um ano, vem me colocando em dúvida: Minha sapatilha Ballasox. A Ballasox é um calçado dobrável, feito de tecido, outras com um material parecido com couro (Não sei se eles usam couro de verdade.), tem um forro em elastano e solado de borracha. Tem vários modelos de sapatos: Oxford, tênis, peep toes, tênis de cano alto (Que parecem uma botinha), rasteirinhas e as famosas sapatilhas. Todos os modelos são muito lindos e cheios de personalidade.

Nossa, a primeira vez que eu vi uma delas na Net, eu pirei! Quando eu entrei no site da marca, me deu vontade de ir para um manicômio, porque aquilo era coisa de maluco. Cada coisa linda, que meus olhinhos até doíam. Só que o preço, eu achei muito salgado. Talvez fosse por isto que meus olhos doíam....



Fucei, fucei, fucei e acabei descolando uma promoção aonde a sapatilha saia por R$ 55, 00, com frete grátis. Lindo!!! Tinham vários modelos, mas o meu número tava difícil... Enfim, achei uma que eu gostei. Fiz a compra e chegou no dia seguinte. Aliás, o site onde comprei, foi super eficiente.

Na hora em que a minha sapatilha chegou, eu estava saindo. Não perdi tempo, tirei a que estava usando e coloquei a Ballasox. Naquele dia, eu ia bater perna. Me arrependi. A sapatilha me incomodou horrores! No momento em que as calcei, achei super confortável, parecia que eu estava saindo apenas de meias. Só que meias não machucam, e assim que dobrei a esquina da minha rua, percebi que não foi um bom negócio mudar de sapatos.

 

Forro - meia de elastano.

O elástico da sapatilha aperta muuuuuuuuito o calcanhar (Toda vez que eu a uso, eu levo um Band - aid) e os dedinhos ficam apertados com o forro de elastano, que faz a vez da meia. A minha Ballasox é de tecido, quando eu as uso, rezo para não chover, imaginem andar na chuva usando meias....
Outra coisa chata, como toda meia, ela dá chulé. Eu não tenho, mas fica aquele cheiro de meia suada, sabe?!  Meia, a gente lava, agora a sapatilha....

Outra coisa que não me agrada, a sapatilha não fica certinha no pé. Fica um vão....


 A proposta da marca  é interessante: Um calçado prático, confortável e bonito. As sapatilhas são como as sapatilhas de balé, aquelas para treino, sem pontas. Quem já fez algum tipo de dança, sabe como aquilo é confortável. Há muito tempo, eu tenho vontade de comprar algumas ( Isso mesmo, sapatilhas de bailarina!) para bater, só que o problema é o solado (que é feita de um material bem fino e maleável) e a limitação de cores e modelos. Foi ai, que a Ballasox me conquistou, porque ela foi criada a partir deste pensamento, trazer para as ruas o conforto das sapatilhas, para o calçado do dia -a - dia. 



A sapatilha em si é muito bem feita, o acabamento é perfeito. Ela vem em uma caixinha fofa e dentro de uma sacola mais fofa ainda, que tem o emblema da marca, além de uma etiquetinha na estampa da sapatilha (Para facilitar a identificação) e o número do calçado.

Apesar de tudo, eu tenho vontade de comprar outras, mais pela beleza mesmo. O problema é que eu fico com medo de as outras serem tão incomodas quanto as minhas e eu acabar, mais uma vez, jogando dinheiro fora. Eu só olho a minha Ballasox, se é para ficar só olhando, eu olho nos sites mesmo.

Hummmm....


Beijocas


6 comentários:

  1. tb achei uma gracinha essa sapatilha, pena que imcomoda. Já tentou as molecas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já.... Usei muita moleca quando eu era forrozeira!!! Na época do Falamansa, só dava moleca nos meus pés. Bjs

      Excluir
  2. Respostas
    1. Os sapatos dsta marca são lindas d+. Mas machuca.... !

      Excluir
  3. Menina, tb achei q era a coisa mais confortável do mundo, comprei logo 3, ai aconteceu a mesma coisa machuca meu calcanhar. A sua ainda machuca, será que em algum tempo de uso ela vai ceder um pouco?

    ResponderExcluir
  4. Pessoal, ouvi dizer que é bom comprar um número maior do que o de costume...comprei a minha recentemente, ainda não chegou, mas comprei um número maior, vamos ver...!

    ResponderExcluir

Vai, me conta o quê você achou?

Arquivo do blog

Pesquisar este blog